HOME / Casa de Leylá: unidade caçula da Cruzada com desafios de uma veterana

Casa de Leylá: unidade caçula da Cruzada com desafios de uma veterana

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

A Casa de Leylá é a unidade mais nova da Cruzada. Após um ano de atividade, está totalmente integrada à rede.

Patricia Coda, coordenadora da unidade e moradora da região, falou um pouco sobre esse trabalho:

“Somos carentes de instituições e espaços que possam atuar com as crianças e suas famílias. Em toda essa área, só há mais uma creche gratuita, que é pública. É uma região de muitos conflitos e extremamente vulnerável. A Cruzada passou a ser uma opção bastante concorrida”, explicou.
Casa de Leylá - Tamires Batista Caxero
Renata Silva, assistente social, também está bastante entusiasmada nessa missão: “Em um ano, podemos dizer que temos um trabalho consolidado, efetivo, com participação das famílias. Conseguimos demonstrar o nosso trabalho com a participação da comunidade. Hoje, temos uma equipe técnica e uma equipe profissional também muito feliz no que faz, comprometida e satisfeita com os resultados. Somos a caçula entre as unidades, mas já saímos do estado de embrião, para começar a engatinhar e conquistar as pessoas, o bairro, as comunidades do entorno. Nosso grande desafio é esse: ser uma referência na educação infantil aqui para esta região. Estamos em uma área com um nível de periculosidade muito alto. São famílias que necessitam de um olhar mais atencioso, um acompanhamento mais próximo. Mas percebemos que em apenas um ano, esse atendimento impactou positivamente: diminuiu o número de situações de negligencia, precárias mesmo, e famílias voltaram ao mercado de trabalho”.
Uma das famílias da Casa de Leylá é a de Tamires Batista Caxero, casada com Fernando e mãe de duas meninas. “Desde que minhas duas filhas estão na Cruzada, o desenvolvimento delas tem sido maravilhoso. Elas eram muito dependentes e hoje fazem muitas coisas sozinhas. Aqui elas fazem teatro, capoeira e aprendem o tempo todo”.

A equipe também atua em conjunto com órgãos públicos, instituições e líderes sociais que impactam diretamente na vida das comunidades. A Casa de Leylá tem um espaço multimeios preparado para a realização de atividades educativas, sociais e culturais para as crianças e para interação com as famílias.

Curiosidade: Conhece a história da Casa de Leylá?

Leylá faleceu ainda criança, quando tinha apenas dois anos de idade. Em um sonho, ela diz a sua mãe que ela deveria realizar um trabalho que acolhesse e cuidasse de outras crianças. Foi assim que, em 1949, Dona Luzia fundou a Casa de Leylá, uma instituição de amparo à infância, situada no subúrbio do Rio de Janeiro, e batizada em homenagem a sua filha. As atividades da Casa de Leylá começaram na residência de Dona Luzia. Anos depois, ela ganhou o terreno que ficava nos fundos de sua casa e, com apoio e doações, ergueu uma sede mais espaçosa, capaz de prestar um melhor atendimento. E assim, como a ajuda de doadores, a instituição atuou durante décadas acolhendo e cuidando apenas meninas. Em setembro de 2013, a Casa de Leylá passou a fazer parte da Cruzada e, em fevereiro de 2015, a Unidade foi inaugurada, dando início às suas novas atividades: berçário, creche e pré escola integral.

Compartilhar:

DEIXE SEU COMENTÁRIO

comments

LEIA TAMBÉM